Minha consultoria de imagem (parte 1)

Quem me acompanha por aqui sabe do workshop que o blog está promovendo (quem só ficou sabendo agora, aproveita pra participar do sorteio), cujo tema gira em torno da consultoria de imagem. Poucos, no entanto, sabem o motivo de eu estar promovendo este workshop, então “senta, que lá vem história”…

Ok, não tem tanta história assim. O fato é que eu contratei esta consultoria de imagem pra mim (\o/) e, aproveitando, vamos fazer o workshop logo em seguida. Pois bem. Começamos os trabalhos essa semana!

A primeira coisa que a consultora faz é arranjar os subsídios pra elaborar o relatório e a estratégia de imagem da cliente, para isto, temos que passar por algumas etapas:

1. Entrevista – nesta etapa, o objetivo é conhecer os hábitos, os gostos, estilo de vida, através de perguntas pessoais estruturadas, frente a frente com o cliente;

2. Teste de cores – ela pergunta as cores preferidas, que, numa ordem específica, revelam os traços da nossa personalidade;

3. Mapa social – aqui o objetivo é descobrir as origens dos clientes, assim como as características do meio social em que ele está inserido. Também nesta fase, através de perguntas estruturadas, é possível conhecer os valores e preconceitos do clientes;

4. Estilo atual – através de perguntas, ela descobre o que tem no nosso guarda-roupa. As perguntas são feitas de modo a evidenciar as peças que o cliente gosta ou não gosta, por isso, não se olha o guarda-roupa, as respostas têm de ser baseadas somente na memória que o cliente faz do próprio guarda-roupa;

5. Identificação da estação – através da análise dos tons e subtons da pele, dos olhos, da cor do cabelo e das cores que a pessoa gosta ou não gosta, identifica-se a estação da pessoa, pra definir a paleta de cores ideal para atender à estratégia elaborada e dar mais harmonia às composições;

6. Geometria corporal – chega a parte da medição do corpo. Medida a medida, desenha-se um gráfico que ilustra o formato do seu corpo, para identificar as peças que podem ser usadas e as peças que devem ser evitadas.

Dito isto, tenho que dizer das minhas descobertas: meus olhos são azuis (rs)!! Ok, esta não foi a descoberta mais importante. Olhando com uma lupa, bastante minunciosamente, descobriu-se que meus olhos são azuis com rajadas avelãs e matizado de dourado. Valeu pela consultoria toda. Agora, quando me perguntarem, responderei orgulhosamente que tenho olhos azuis (aloka!).

As verdadeiras descobertas foram:
– Tenho estilo ingênuo, com toque sofisticado e dramático;
– Minha estação é o Verão e, com esta conclusão, já perdi metade do meu guarda-roupa! hahaha
– Meu corpo é ampulheta (cinturinha de pilão, bem!).

A partir dessas e de muitas outras informações, o próximo passo é a elaboração do relatório e da estratégia que tenho que adotar, para então analisarmos o guarda-roupa e definir a listinha de compras (ui!), mas este é papo pra outro post! Me aguardem, semana que vem vamos continuar os trabalhos…

Beijos!

mari

Anúncios

Um comentário sobre “Minha consultoria de imagem (parte 1)

  1. Pingback: Minha consultoria de imagem (parte 2) « marisanta • blog

Deixe sua dica ou opinião...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s